O MELHOR PÃO DA CIDADE

PRAÇA DES. CELSO SALES, N° 12 - CENTRO - SÃO JOSÉ DE MIPIBU-RN

SUPERMERCADO DO TELMO

O SUPERMERCADO DAS GRANDES PROMOÇÕES

CONHECER EDUCACIONAL

A ESCOLA DAS FAMÍLIAS MIPIBUENSES.

AQUI, SUA MARCA É LEMBRADA

ENTREM EM CONTATO ATRAVÉS DO EMAIL: deolhoemmipibu@gmail.com

terça-feira, 28 de março de 2017

SONHO DA CASA PRÓPRIA VIRA PESADELO EM SÃO JOSÉ DE MIPIBU

Hoje, à tarde, o blog De Olho em Mipibu conversou com a senhora Hélia Maria, moradora da Av. Senador João Câmara (rua do CAIC).
O que seria um sonho, após ter sido contemplada com sua casa própria, por um dos projetos habitacionais, através da prefeitura, tornou-se, na verdade, um pesadelo. Inicialmente, D. Hélia precisou viabilizar documentação, preencher cadastro e comprovar dimensões do seu terreno.
"Após reuniões e assinatura de outras papeladas, a casa começou a ser erguida, porém, sem material suficiente e irresponsabilidade por parte do construtor, a obra parou" - disse a moradora.
Em pouco tempo, os problemas começaram a aparecer. Ela mora com sua filhinha e esta tem problemas respiratórios devido, principalmente, à poeira que cai do telhado.
O armário revela marcas do descaso e falta de respeito por parte dos que deveriam zelar pelo dinheiro público.
No chão, a TV não tem mais funcionalidade.
Em vez de um piso de cerâmica, digno para esta cidadã e eleitora de São José de Mipibu, um contra-piso (se assim ainda posso chamar) que envergonha e nos faz refletir de que forma esse dinheiro é utilizado nessas construções...
Segundo informações, a Secretaria responsável pela habitação tomou conhecimento do caso e ficou de entrar em contato com um senhor chamado Gustavo, o qual estava na responsabilidade de entregar os imóveis prontos para morar.
Depois de muita insistência e sem resposta por parte desse cidadão, a prefeitura prometeu alugar uma casa, no valor de R$ 200,00 (duzentos reais) enquanto terminasse o serviço. Até, agora, nada! A moradora teve de deixar sua morada e se instalar, juntamente com a filha, na casa da mãe.
Emocionada, essa sofrida mipibuense relembra não poder dormir, porque cai muito pó de telha sobre a comida, móveis, eletrodomésticos etc Além de todos esses problemas, o material utilizado para construção dessas casas é de péssima qualidade. Ela teme, principalmente, a vida da sua filha e os problemas de saúde decorrentes dessa situação.
Esta imagem é o retrato caótico do estado do telhado, sobretudo, da qualidade desse material utilizado. Hélia Maria ainda disse que uma pessoa da SETHAS falou que o serviço, agora, seria executado por uma pessoa da atual gestão, um cidadão que não entende nada de obras, mas tem "prestígio" junto aos homens do Executivo.
Da poeira da geladeira, surgiu a mensagem: "E AÍ, PREFEITO ARLINDO DANTAS?!... INCOMPETÊNCIA". Em outras palavras, o texto faz um pedido para que o problema tenha uma solução; ao mesmo tempo, deixa claro incompetência nas ações ou não deste atual governo. Iludida, uma família inteira votou em Arlindo (ver adesivo no eletrodoméstico).
Na entrada do terreno, onde moram outros familiares, mais uma prova da fidelidade a um grupo que tinha como lema de campanha AVANÇANDO NAS MUDANÇAS. Avanço que rima com incompetência político-administrativa.
Pedimos uma solução imediata ao prefeito OPERÁRIO, tendo em vista, no mínimo, a prefeitura ser responsável em fiscalizar e acompanhar a execução e eficácia de qualquer obra, no município, caso contrário, outras medidas serão tomadas e o caso será levado a autoridades... dessa vez, competentes!

Matéria e fotos: Alexandre Freire

domingo, 26 de março de 2017

SÃO JOSÉ DE MIPIBU - "A PRAÇA DO FUTURO" FICOU NO PASSADO

Quem chega ao centro de São José de Mipibu, depara-se com o que deveria ser um dos principais cartões postais da cidade. Na verdade, a Praça Des. Celso Sales amarga abandono, descaso e, principalmente, promessas. Ano passado, após derrubada do Sulancão e construção do Shopping Popular, a atual gestão disse que a ordem de serviço estaria sendo entregue à empresa ganhadora da licitação para construção e reforma nesta praça.
A mídia e a população fizeram festa e alarde, pois o projeto divulgado constava de dois pavimentos, dos quais um subterrâneo, onde ficariam comerciantes e praça de alimentação.
Na parte superior, o passeio e um espaço para realização de eventos culturais. Porém, a "PRAÇA DO FUTURO", chamada por alguns, ficou, apenas, no passado, nas promessas de campanha.
No entorno, bancas sobre calçadas, desrespeitando o direito de ir e vir, sem fiscalização nem controle por parte da prefeitura municipal.
Atualmente, segundo informações divulgadas no Jornal "O Alerta", a obra está suspensa, a pedido do Ministério Público, o qual fez recomendações à prefeitura...
... devendo-se observar o Plano Diretor Municipal e suas recomendações e anexos. Provavelmente, toda a logística tenha sido para impressionar e/ou iludir o eleitorado às vésperas das eleições.
O chão, pintado de verde, lembra as velhas e já conhecidas gambiarras praticadas por este governo em escolas, postos de saúde, praças, calçamentos, secretarias etc
Uma verdadeira seboseira e desrespeito na Terra do atual prefeito ARLINDO DANTAS, um político que está em seu quarto mandato (além de mais um como deputado estadual), mas não consegue, sequer, construir um banheiro digno para quem se dirige ao centro da cidade.
Por estes projetos de canteiros "erguidos", nas imediações do Mercado Público, imaginemos como o nosso dinheiro está sendo utilizado e respeitado. Enquanto isso, os vereadores, os quais deveriam defender o povo e fiscalizar a gestão, permanecem em completo silêncio, subservientes, omissos e presos a determinações superiores.

Triste do poder que se acovarda e não pode!!!

Matéria e fotos: Alexandre Freire

sábado, 25 de março de 2017

ROBERTO CABRINI PASSA NOITE NO PRESÍDIO DE ALCAÇUZ

Roberto Cabrini passa noite no presídio de Alcaçuz (RN)No Conexão Repórter do próximo domingo (26), Roberto Cabrini exibirá uma reportagem especial onde ele passou uma noite em uma das celas do temido pavilhão quatro do presídio de Alcaçuz, no Rio Grande do Norte. Para desvendar os segredos do presídio onde ocorreu o massacre que matou 26 pessoas, ele se torna o primeiro jornalista a ter acesso ao interior da fortaleza, que ficou conhecida como inferno em forma de grades, muros e torres.
Em uma investigação de uma semana, Cabrini faz importantes revelações sobre os bastidores da guerra entre facções que produziu execuções bárbaras e decapitações. O jornalista percorre corredores sombrios, encontra os túneis cavados, esconderijos onde se ocultavam armas de fogo e valas onde ficavam homens executados.
Em Alcaçuz, Cabrini consegue ficar frente a frente com importantes líderes das organizações criminosas, que se enfrentam em uma região onde também se mata pela disputa do tráfico de drogas fora do presídio.
O programa mostra como vivem os presos, suas rotinas, o que acontece por trás das grades e a ação dos agentes especiais da Força Nacional Penitenciária. O telespectador vai acompanhar o resultado de uma semana de investigação no local onde o confronto aconteceu.
O programa mostra também os relatos das mulheres que perderam maridos e filhos decapitados, além de conversar com o secretário de Justiça e Cidadania do Rio Grande do Norte, que enfrenta pressões de todos os lados com a missão de administrar uma crise que não termina. Cabrini questiona como ele responde a críticas e acusações de que parte de seus homens facilitaram a entrada de armas e por que a onda de conflitos se espalhou com tanta violência em vários presídios do país.
Confira trechos da entrevista de um dos líderes de uma das facções, que participou da rebelião:
Você se arrepende do que fez? [Cabrini]
Olha, se eu disser que eu me arrependo, eu vou estar mentindo. Porque, como eu disse, esses caras já mataram mãe da gente, mataram criança.
Você se arrepende de ter cortado cabeças? [Cabrini]
Não, eu não me arrependo, não. Porque a criança de três anos de idade que eles mataram e a nossa família que eles vivem expulsando aí, eles não tem arrependimento. E ainda mandam áudio dizendo que tem que caçar nossas famílias.
Você faria novamente? [Cabrini]
Com certeza. Isso aí é coisa normal pra gente que vive nessa vida.
Você sentiu o que? [Cabrini]
Nada.
Era um ser humano, com a cabeça decepada… [Cabrini]
Era, mas se fosse a gente também, eles tinham feito a mesma coisa ou pior.
Mas por que decepar a cabeça? [Cabrini]
Porque é a regra da cadeia."
fonte: PORTAL N10

quinta-feira, 23 de março de 2017

"E A UPA DE SÃO JOSÉ DE MIPIBU, PREFEITO?!"

EM SÃO JOSÉ DE MIPIBU, A UPA SERVE, SOMENTE, DE ENFEITE

Há quase um ano concluída, faltando, apenas, os equipamentos para atendimento à população e a escala de profissionais, os mipibuenses, até, hoje, perguntam: "E A UPA DE SÃO JOSÉ DE MIPIBU, PREFEITO?!"

As instalações da Unidade de Pronto Atendimento de urgência e emergência estão localizadas nas proximidades das comunidades de Pau Brasil e Rocinha, um bom e importante empreendimento, mas só de enfeite, sem serventia nenhuma para a saúde do povo de São José e cidades vizinhas.

Em vez de funcionar 24 horas por dia, sete dias por semana, desafogando filas e mais filas em hospitais da capital do estado, esse projeto de UPA, somente, está erguido, amargando desgaste natural, depredação do patrimônio público e, principalmente, sem a prestação de serviço à população.

No facebook, após questionamento do funcionário público estadual, Tamires Sena, ao perguntar: "ALGUÉM SABE INFORMAR QUANDO A UPA DE SÃO JOSÉ DE MIPIBU IRÁ FUNCIONAR?". Algumas respostas, em forma de críticas irônicas e coerentes à gestão acerca do "início de funcionamento" desta unidade de saúde. Confiram:











Matéria: Alexandre Freire
imagens: facebook/divulgação

CENTERGÁS: NESSA VOCÊ PODE CONFIAR


A CENTERGÁS é uma empresa que está no mercado de TELE-ATENDIMENTO há três anos. Além de prestar um serviço de qualidade, nossa meta é atender bem, priorizando rapidez e segurança à nossa clientela.

Atendemos das 07h às 19h, de segunda a sábado; aos domingos e feriados, das 07h às 12 horas.

Aqui, você tem a facilidade de comprar seu gás e pagar com os principais cartões de crédito.

quarta-feira, 22 de março de 2017

EDUCAÇÃO DE SÃO JOSÉ DE MIPIBU ADERE À GREVE NACIONAL


A maior parte dos trabalhadores da Educação que participaram hoje (22) dos dois turnos - manhã e tarde -  da Assembleia Extraordinária promovida pelo SINTE/Mipibu nas dependências da Escola Estadual Professor Francisco Barbosa, decidiu pela adesão da rede municipal de ensino a GREVE NACIONAL vigente promovida pela CNTE e pelo SINTE/RN.

Nos dois turnos da assembleia, os coordenadores Francialdo Cássio e Laélio Costa revezaram-se nas falas expondo aos presentes os malefícios que a malfadada reforma da previdência acarretará a classe trabalhadora. 

Trabalhadores em Educação, em especial os professores e professoras, terão, caso essa reforma seja aprovada, o fim das suas aposentadorias especiais. 

Entre as perdas já concretizadas, foi lembrado que a ação nefasta do presidente Temer resultou no congelamento dos salários dos trabalhadores em Educação e demais categorias por longos 20 anos. De forma semelhante, os recursos destinados a educação pública também foram congelados por idêntico período.

O provável extermínio da CLT, a aprovação da lei das terceirizações, a atitude desrespeitosa do governo com as mulheres e trabalhadores(as) rurais, o possível aumento das contribuições previdenciárias foram outros temas de interesse abordados.

No final da tarde, logo após o encerramento da assembleia, o  coordenador-geral do SINTE em São José de Mipibu, prof. Francialdo Cássio da Rocha comunicou a decisão da categoria a secretária Lúcia Martins Moura.

No comunicado, Francialdo conclama a secretária a aderir ao movimento em curso a nível nacional e recomenda a paralisação das atividades em sala de aula até que a CNTE e o SINTE/RN decidam pela retomada das atividades docentes.

fonte: SINTEMIPIBU

terça-feira, 21 de março de 2017

UNIVERSITÁRIOS MIPIBUENSES SÃO TRATADOS COMO "SARDINHAS"


No último dia 15/03, na página pessoal do facebook do prefeito de São José de Mipibu, ARLINDO DANTAS, uma postagem "positiva" divulgou a ampliação da frota dos transportes escolares, que levam estudantes, sobretudo, os universitários até à Capital do estado. Na ocasião, segundo informação, mais um ônibus estaria disponível, ontem (20) - num total de quatro - já que a demanda, à noite, é crescente e o caos, também. Infelizmente, este veículo não apareceu!

Na imagem, registrada por um estudante, o ônibus que faz a rota da UFRN, ontem, à noite, estava mais parecido uma lata de sardinha, tendo em vista super-lotação, desconforto e falta de respeito ao futuro da nossa cidade, guerreiro(a)s que se esforçam e lutam, diariamente, através do ensino superior de qualidade, por um futuro promissor e mais digno.

Com a palavra, os empregados do povo!!!

Matéria: Alexandre Freire

SECRETÁRIO DE TRANSPORTES DEIXA ESTUDANTES "CHUPANDO O DEDO"

Semana passada, uma notícia positiva alegrou os inúmeros estudantes mipibuenses que utilizam o transporte escolar para estudar em Natal. Depois de os próprios usuários denunciarem super-lotação nesses veículos, a prefeitura municipal, através da Secretaria Municipal de Transportes, prometeu mais um veículo para desafogar esse transtorno. Em nota abaixo, publicada na página pessoal do facebook do prefeito Arlindo Dantas e, também, em alguns meios comunicativos, o secretário da pasta, Eduardo Simplício, firmou acordo com a classe discente. Na ocasião, disse que disponibilizaria mais um ônibus a partir da data de ontem, 20 de março.

Porém, segundo informações repassadas, os estudantes ficaram "chupando o dedo" e o descaso, o caos e a super-lotação continuam.

No facebook, a estudante Lidiane Ferreira se manifestou em nome da classe estudantil, a fim de que o prefeito e o secretário de transportes cumpram com o prometido. Vejam:
Ao Secretário Municipal de Transportes, mais conhecido por Dudu de Laranjeiras dos Cosmes, antes de repassar essas informações à mídia, certifique-se da veracidade e autenticidade dos fatos, pois quem assume uma função pública deve ter, pelo menos, respeito ao povo.

Lamentável!

Matéria: Alexandre Freire

domingo, 19 de março de 2017

SINTE/MIPIBU COMUNICA ASSEMBLEIA EXTRAORDINÁRIA À PREFEITURA

SINTE/MIPIBU
NÚCLEO SINDICAL DE SÃO JOSÉ DE MIPIBU- RN



OFÍCIO  n° 07/ 2017

São José de Mipibu,17 de MARÇO de 2017.

Ilma. Senhora,
Secretária Municipal de Educação
Lúcia Martins de Moura




Em decorrência da GREVE NACIONAL deflagrada na última quarta-feira (15) pela CNTE e pelo SINTE no Rio Grande do Norte e em grande parte dos seus municípios, comunicamos que na próxima semana -  mais precisamente na quarta-feira, 22 de março - realizaremos  assembleia com os trabalhadores em Educação do Município de São José de Mipibu para votar nosso indicativo de greve e sagrar nossa adesão a GREVE NACIONAL vigente. 


Enfatizamos que nossa assembleia contará com dois momentos: o primeiro a se realizar no período da manhã e o segundo, no turno vespertino.

Em relação aos pontos da pauta da próxima quarta (22), destacamos:

- INFORMES LOCAIS
- REFORMA  TRABALHISTA
- REFORMA DA PREVIDÊNCIA
- VOTAÇÃO DO INDICATIVO DE GREVE PELA CATEGORIA


Atenciosamente,



Francialdo Cássio da Rocha
Coordenador Geral do SINTE em  São José de Mipibu

PREFEITO DE SÃO PAULO DOA SEU 2º SALÁRIO AO GRAACC


No último dia 07, o prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), doou o seu 2º salário para o GRAACC - Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer. O valor líquido de R$ 17.948,00 foi entregue ao presidente daquela casa, a qual desenvolve um trabalho sério, comprometido e voltado ao público infanto-juvenil.

Na ocasião, Dória havia doado seu primeiro salário a instituição AACD - Associação de Assistência à Criança com Deficiência e o fará durante os 48 meses de seu mandato, tendo em vista promessa de campanha. A estimativa é repassar o valor corresponde a R$ 861.504,00 destinado a instituições assistenciais.

Que esse exemplo sirva de reflexão a muitos prefeitos do país, os quais insistem em usurpar o dinheiro público e tratar o povo como seres inferiores, através do atraso administrativo, da omissão política e, principalmente, da falta de respeito aos direitos fundamentais.


De parabéns o prefeito JOÃO DÓRIA!

Matéria: Alexandre Freire

sábado, 18 de março de 2017

H+ CURSOS - SUA APROVAÇÃO ESTÁ AQUI!




PARABÉNS AO EMPRESÁRIO MEQUINHO LUCAS!

Hoje (18), é dia de parabenizarmos o empresário da MAC Construções e Serviços LTDA, o amigo MEQUINHO LUCAS, por mais uma data natalícia. Ser humano de incontáveis qualidades, Mequinho inova no quesito prestação de serviço em limpeza pública em várias cidades do RN, sobretudo, em São José de Mipibu, onde essa empresa desenvolve um trabalho de excelência com aprovação e satisfação da população.

Por trás de grandes empresas, há, sempre, homens de sucesso, empreendedores natos e seres humanos do bem.

Saúde, paz, prosperidade e muito sucesso em sua vida pessoal e empresarial.

Que Deus o abençoe, amigo!

Matéria: Alexandre Freire

sexta-feira, 17 de março de 2017

JORNAL "O ALERTA" COMPLETA 37 ANOS

Este mês, o Jornal O ALERTA completa 37 anos. Ao amigo, jornalista e editor deste veículo de comunicação, JOSÉ ALVES, mais conhecido por Dedé, deixo os parabéns e o reconhecimento a este jornal de credibilidade, informação de qualidade e relevante história em prol de São José de Mipibu.

Amanhã(18), a edição de aniversário estará disponível aos leitores, trazendo as principais notícias local e da Região Agreste do RN.

Matéria: Alexandre Freire

quarta-feira, 15 de março de 2017

PREFEITO ARLINDO INAUGURA "CENTRO ESPORTIVO" EM SÃO JOSÉ DE MIPIBU

Sem perspectivas de investimentos, na área de esporte e lazer, crianças e adolescentes, desfrutam, todas as noites, do "novo" CENTRO ESPORTIVO de São José de Mipibu, recém-inaugurado pelo prefeito ARLINDO DANTAS, e localizado na Praça Des. Celso Sales. Um lugar atípico, escuro, esburacado, sem as mínimas condições para a prática esportiva. Além disso, nas imediações, o tráfego é intenso e o risco de acidente é grande, por parte dos que saem da quadra para buscar a bola.
Antes, neste mesmo lugar, o famoso e já esquecido SULANCÃO, que foi demolido para dar espaço a uma nova e moderna praça, chamada, também, de PRAÇA DO FUTURO; a qual, porém, ficou, apenas, no passado e no sonho dos mipibuenses.
No município, investir em esporte é distribuir ternos, bolas, chuteiras, medalhas e troféus.
No centro e na zona rural, quadras e campos de futebol estão abandonados, sucateados e sem as mínimas condições de uso.

Sinceramente, feliz pela nova gambiarra esportiva, afinal, tudo isso é uma forma paliativa para ocupar a mente e tirar essa gente da ociosidade e... quem sabe de outras atividades nocivas à sociedade...

Lamentável!!!

Matéria e fotos: Alexandre Freire