terça-feira, 7 de junho de 2016

POR QUE NA TERRA DO VICE-GOVERNADOR DO RN É PROIBIDO MORRER?!

Cemitério de São José de Mipibu está lotado há mais de 20 anos.

Que o vice-governador do RN, Fábio Dantas, é inteligente todos nós estamos cientes disso. Dia desses, este mesmo meio de comunicação o enalteceu, chamando-o de gênio. Essa postagem todos os meus inúmeros leitores, espalhados pelo mundo tomaram conhecimento.

Mas que tipo de gênio? Aquele que mexe, somente, no tabuleiro dos bastidores da política. O próprio Fábio, como principal mentor da gestão do seu pai e prefeito mipibuense, Arlindo Dantas, é quem dá as coordenadas gerais. Ninguém toma qualquer decisão sem o consultar, ou seja, façam tudo o que o seu mestre mandar!

Entretanto, na terra São José de Mipibu, berço de Fábio Dantas, há mais de 20 anos ninguém pode morrer - embora saibamos ser inevitável e certa a nossa passagem para o mundo espiritual - pois o cemitério central está completamente lotado. Certa vez, abriram uma sepultura e se depararam com um corpo em estado avançado de decomposição, o que inviabilizou mais um enterro, no principal cemitério da cidade, frustrando familiares e desrespeitando, até, o direito à morte com dignidade.

Outro dia, fotos foram mostradas, nas redes sociais, de caixões sobre covas, inclusive, alguns abertos, sem os cadáveres. Somado a tudo isso, algumas famílias não conseguem achar túmulos de seus entes queridos, porque, além da super-lotação, marginais violam e depredam esse espaço.

Pena que a genialidade de Fábio se resuma ao campo político. Como seria bom se ele tivesse visão administrativa, para ensinar aos seus comandados uma nova forma de fazer gestão em nosso município.

Se uma cidade não tem, sequer, um cemitério para enterrar a população, imagine o futuro dessa gente e a ineficiência desses gestores...

Matéria e fotos: Alexandre Freire

0 comentários:

Postar um comentário

poste seu comentário